Artistas Viajantes (3)

 
Pintores e Desenhistas Viajantes (3)
Edição e Pesquisa de Lenise M. Resende

Desde o período colonial foram muitos os pintores e desenhistas estrangeiros que passaram pelo Brasil, ou que aqui viveram por muitos anos.

- Holandeses -  No século XVII, quando o Nordeste do país foi ocupado pelos holandeses, o conde Maurício de Nassau, governador-geral do Brasil Holandês, trouxe os pintores holandeses Albert Eckhout (1610-1666) e Frans Post (1612-1680). Além deles, vieram o médico Willem Piso (1611-1678) e o naturalista e desenhista Georg Marcgraf (1610-1644). Mas, entre os soldados da Companhia das Índias Ocidentais, também havia dois desenhistas alemães, Zacharias Wagener e Caspar Schmalkalden, que ilustraram seus diários de viagem com imagens do país.


. Zacharias Wagener (1614-1668), desenhista e cartógrafo alemão, esteve no Brasil entre 1634 e 1641, durante o governo de Maurício de Nassau, trabalhando para a Companhia das Índias Ocidentais. Neste período, coletou informações e produziu aquarelas para ilustrar seu caderno de viagens. Algumas ilustrações, porém, eram cópias das telas do holandês Albert Eckhout (1610-1666), mas assim mesmo foram incluídas no Theatrum Rerum Naturalium Brasiliae junto com as de Eckhout e Georg Marcgraf (1610-1644). Em 1888, sua autobiografia - Thier Buch (Livro de Animais) - foi publicada, com aquarelas sobre a fauna, a flora, a topografia e o cotidiano brasileiro, acompanhadas de uma breve descrição.
 


Blog Vendo & Revendo

Nenhum comentário:

Postar um comentário